Emocionante vitória sobre o Vitória

BCB X VITÓRIA 09-05-2015

Playoffs (LPB)

O BC Barcelos arrancou mais uma vitória a ferros (84-87), em Guimarães, num jogo emotivo, e onde dominámos a partida do princípio ao fim, embora sempre por uma margem curta, com muita incerteza no marcador e com a vitória a confirmar-se nos segundos finais do encontro. Face ao que se viu, adivinha-se uma meia-final espetacular.

 

Estivemos melhor nos 20 minutos iniciais, que mesmo a jogar fora de casa soubemos sempre lidar bem com a pressão. A equipa geriu igualmente bem a vantagem de que dispunha, após 1º período (28-21), -principalmente a nível ofensivo- e foi para o descanso a comandar a marcha do marcador (44-39).

 

Mas bastaram menos de 3 minutos para que os vimaranenses cortassem a desvantagem trazida do 1º tempo, empatando a partida a 48 pontos.

 

Nada que provocasse o pânico na nossa formação que continuava a demonstrar uma proveitosa alternância nas sua soluções ofensivas. Dukovic dominava no jogo interior, e um lançamento de longa distância de Filip Djuran provocava nova cambalhota na liderança (53-51).

 

Seguiram-se várias alternâncias no comando do marcador, novo empate a 56 pontos, e quatro pontos sem resposta davam uma curta vantagem à equipa de Guimarães (60-56).

 

Os comandados de José Ricardo Rodrigues foram para o derradeiro período a perder por dois pontos de diferença (63-65), até que se seguiu uma fase louca de triplos convertidos.

 

Os pontos sucediam-se nas duas tabelas e Nuno Oliveira não tremia da linha de lance-livre (85-84), ficando a restar 19 segundos para os vimaranenses darem a volta ao resultado. Doug Wiggins falhava, Loncovic mostrava-se igualmente seguro da linha de lance-livre (87-84), e José Silva ainda teve uma última oportunidade para levar o jogo para prolongamento após um desconto de tempo pedido por Fernando Sá a 2 segundos do final.

 

Marko Loncovic (17 pontos, 10 ressaltos e 4 assistências) exibiu-se a muito bom nível, MVP do jogo com 28.5 de valorização, embora tenha sido Nuno Oliveira o melhor marcador da equipa com 23 pontos, a que juntou 4 ressaltos e 3 assistências. Dukovic (18 pontos e 7 ressaltos) foi igualmente peça importante neste triunfo.

Amanhã é a segunda ronda, às 15.00 no mesmo recinto, num jogo que promete emoções fortes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *